Review Placas Aceleradoras PoliDaytona

by Maycon Itiche(Blasto) & Alberto Penteado(Pentha)

 

As placas

- GeForce MX440: 64 DDR com 128 bit Frame Buffer Memory, 4x/2x, texturização AGP e Fast Writes, Lightspeed Memory Architecture II (LMA), antialiasing, VPE, Integrate Dual 350MGz DACs e TV out;

- GeForce 4 Ti-4200: 64/128 MB DDR com 128 bits Frame Buffer Memory, nFinite FXII engine, antialiasing, nView display techonologu, Lightspeed Memory Architecture II Engine.

 

A apresentação

A primeira vista, as embalagens quase se confundem, se não fossem pequenos detalhes como o logotipo da NVidia, no canto superior direito e alguns adesivos colocados no corpo das embalagens. Além do cd de instalação, nada mais acompanha ambas as placas. As informações contidas nestes cd´s não elucidativas, podendo gerar algum tipo de questionamento. O mais aconselhável, seria um pequeno manual onde constasse toda a informação para uma instalação segura, qual o melhor de driver, configuração de imagens de saída para TV, etc.

 

                       

 

Os computadores

Foram utilizados dois computadores para a realização deste teste, com as seguintes características:

 

                               Computador 1                   Computador 2

Processador              AMD - Athlon 1.3                AMD - Athlon XP 1.6

HD                          Maxtor 40GB - 7.200            Maxtor 40GB - 7.200

RAM                        512 SDR - 133                    256 DDR - 333

Mother Board            Assus - A7V 133                 MSI KT3 Ultra

Sound board             Sound Blaster Live 5.1         Sound Blaster Live 5.1

 

Os testes

Foram realizados com o 3DMark 2001 SE, Quake3 e Unreal Tournament 2003.

 

Os drivers

NVidia 30.8 e 40.7 para o 3DMark e somente o 40.7 para as outras duas plataformas de teste. O descarte do drive 30.8 deveu-se ao fato de uma subutilização dos chipsets das duas placas e a detectação de defeitos de imagens quando rodou-se o Unreal Tournament 2003, conforme foto abaixo. Para os usuários que adquirirem a linha GeForce4 é necessário o download do detonator 40.7 para as correções destas distorções nas imagens e um melhor aproveitamento dos chipsets. Com o detonator 40.7 foi detectado um ganho maior na placa TI4200, quando efetuado testes com o pixel shader.

 

 

Os overclocks

Os clocks de fábrica das memórias das placas aceleradoras são acima do especificado pe NVidia, sendo 495Mhz para a MX440 e 500Mhz para a TI4200. Os clocks dos processadores estavam dentro da especificação da NVidia.

Para todos os testes e para ambas as placas, o Core Clock foi de 300Mhz e o Memoru Clock foi de 513, sendo estes números de melhor estabilidade para a realização dos testes.

A MX440 veio equipada com módulos estampados com 5,5ns e a TI4200 com módulos de 5ns e, por causa disso, o baixo valor no over sobre as memórias. Só na GPU é que se conseguiu um valor mais considerável.

 

Os resultados

GeForce TI4200

 

3DMark 2001 SE

Não foi possível obter screenshot algum deste teste. Tanto o representante americano como o brasileiro foram contatos a esse respeito e, até o fechamento deste review, nenhuma informação foi prestada no sentido de esclarecer este problema.

 

Quake 3

                          

 

 

 

                           

 

 

Unreal Tournament 2003

 

 

                           

 

 

                           

 

 

GeForce4 MX440

Foi Verificado em ambos computadores, problemas de renderização e pixelarização das imagens, projetando riscos em determinadas passagens do 3DMark 2001 SE, no Quake 3 e também na utilização do Unreal Tournament 2003.

Uma das características desta série de placa aceleradora é a não utilização da ferramenta anisotrópica, o que reduziu, sensivelmente, a performance nos testes.

 

3DMark 2001 SE

 

Não foi possível obter screenshot algum deste teste. Tanto o representante americano como o brasileiro foram contatos a esse respeito e, até o fechamento deste review, nenhuma informação foi prestada no sentido de esclarecer este problema.

 

Quake 3

 

 

                           

 

 

 

                           

 

Unreal Tournament 2003

 

 

                          

 

 

                          

 

 

Conclusão

A Palit GeForce4 MX 440 demonstrou nos teste ser uma placa suficiente para rodar os games atuais, com um bom desempenho, como ficou demonstrado quando utilizou-se o Unreal Tournament 2003, que é um jogo bastante pesado. É aconselhável evitar o uso do modo AA4X, pois a placa aceleradora não é suficiente para rodar este recurso, optando-se por valores mais baixos de AA como o 2X ou o Quincux.

 

A Palit GeForce4 TI4200 apresentou bons resultados em altas resoluções com o AA4X, apesar da queda brutal de frames que este recurso traz e, mesmo assim, permite uma boa jogabilidade com ótima qualidade de imagem.

Um dos destaques desta placa é o recurso Pixel Shader, dando muito mais realismo às cenas nas quais se pode, por exemplo, obter uma melhor definição com elementos da natureza como água, folhas, reflexos, etc, evidenciando que em jogos futuros, esta é uma placa que estará em evidência.




Copyright 2002, http://www.guiadohardware.net - Todos os direitos reservados