:. Detalhes sobre o Wap

 Por Carlos E. Morimoto
 http://www.guiadohardware.net
 Junho de 2000


Sem dúvida, você já deve ter ouvido muitos comentários sobre o WAP, (Wireless Application Protocol), que traz a possibilidade de acessar a Internet de qualquer lugar, apartir do Celular.

Na verdade, o WAP é um protocolo completo, bastante semelhante ao http utilizado na Internet, mas com alguns recursos que o tornam mais adequado para aparelhos móveis.

Em primeiro lugar vem a simplicidade; as páginas em WML são extremamente simples e rápidas de carregar, o que permite sua visualização na tela monocromática de um celular. Atualmente, as páginas WAP são bastante primitivas, baseadas em textos curtos e alguns links. As imagens são usadas raramente, também pelo fato do único formato de imagem suportado atualmente pelo WML, chamado de WBMP, ser o formato de 1 bit por ponto, ou seja, monocromático, e sem compactação

Outro ponto interessante, é a compactação de dados, que diminui bastante o tempo das transferências. Como é feita no servidor, o formato compaqtado não exige muito processamento no celular receptor. Também existem recursos de encriptação, que oferecem uma boa segurança, possibilitando o comércio eletrônico, operações bancárias, etc. tudo feito através dos celulares.

O uso do WAP não está limitado apenas a celulares, mas pode ser estendido a qualquer tipo de rede sem fio, ou qualquer aparelho ligado a ela. Como disse, uma vantagem do WAP é o fato de combinar recursos de segurança e compactação. Isto permitiria o lançamento de palmtops, também capazes de acessar a Internet de qualquer ponto, como os celulares. Na verdade, a tendência parece ser juntar os dois aparelhos, o que além de adicionar funcionalidade ao conjunto, diminuiria a quantidade de tralhas para carregar. Já existem alguns modelos assim, como o R380 da Ericsson.

O problema atualmente ainda são os custos. Além de pagar 800 ou 1500 reais no aparelho, a conexão à Internet recebe a mesma tarifação das chamadas de voz normais, que num celular são bem salgadas. Não é muito diferente de acessar a Internet de casa: você disca para um número do prestador de serviços e apartir daí é estabelecida a conexão. O maior problema é a lentidão e a pobreza de conteúdo das páginas disponíveis via Wap.

Criar páginas em WAP é bem simples. Na verdade, o WML, é bem semelhante ao HTML, na verdade bem mais simples, por ter menos recursos. Basta decorar alguns comandos básicos de marcação, e você poderá criar as páginas num editor de textos qualquer, Também é possível usar ASP e CGI, desde que obedecidas algumas regras. Como disse, o único formato de imagem suportado pelo WML atualmente é o WBMP, que consiste em imagens de 1 bit por ponto sem compactação. Já existem plug-ins para alguns editores de imagem, como o Photoshop 5.

A maioria dos servidores de páginas WEB também suporta hospedar páginas em WML, mas também estão começando a aparecer alguns serviços gratuitos de hospedagem de páginas WAP, à La Geocities.

Para encontrar links de páginas WAP já disponíveis, visite:http://www.gowap.com.br.

Baixe um micro-browser, que permite visualizar páginas WAP no desktop em: http://www.winwap.org

Se você deseja aprender WML, visite:http://www.anywhereyougo.com




Copyright 2003 Carlos E. Morimoto, http://www.guiadohardware.net - Todos os direitos reservados