:. Saída de Vídeo x Decodificadoras

 Por Carlos E. Morimoto
 http://www.guiadohardware.net
 Janeiro de 2001

"Carlos sou um leitor da sua pagina, livros e suas dicas diárias, e gostaria de sugerir um assunto para você botar em uma dica.O assunto é sobre as saída de TV e entrada encontradas nas placas de video hoje e se elas são boas para reproduzirem DVD como uma decodificadora ou existe perda de qualidade da imagem."


Tanto nas placas de vídeo com saída para TV, quanto nas placas decodificadoras, a qualidade da saída varia de placa para placa. Na maioria dos casos a qualidade é satisfatória para assistir filmes, mas você pode perceber alguma variação na fidelidade das cores.

Um dado importante é o tamanho do cabo. Lembre-se que o sinal que vai da placa para a TV é analógico, por isso deve ser evitado usar um cabo muito comprido, coso contrário você poderá perder qualidade no cabo.

A diferença entre uma placa de vídeo com saída de vídeo e uma decodificadora é que enquanto a primeira teoricamente limita-se a permitir a conexão de uma TV, o segundo tipo executa boa parte do processamento de decodificação do vídeo. Disse teoricamente pois a maioria as placas de vídeo atuais possuem recursos de decodificação de vídeo, também atuando como decodificadoras.

Se você tiver algo apartir de um Pentium II 400 então uma placa decodificadora é completamente dispensável, você precisará apenas do drive de DVD e o programa adequado. Caso você tenha uma máquina mais simples, um 200 MMX por exemplo, então a decodificadora será necessária para assistir os filmes com qualidade. Alguns kits como os da Creative já trazem a placa decodificadora, mas você também pode adquirí-las separadamente, custam apartir de 60 dólares. Algumas placas, como as da Sigma trazem opção de usar um controle remoto, que pode ser adquirido separadamente.