:. Indique este site a um amigo
Responsável:
:. Novo na área?! Leia meus tutoriais para iniciantes: Hardware para Iniciantes | Linux para iniciantes


Seções Artigos


HOME
    :.  Artigos
    :.  Tutoriais
    :.  Dicas Linux
    :.  FAQ

Livros
    :.  Entendendo e Dominando o Linux
    :.  Dicionario de termos técnicos

    :.  Arquivo Dicas
    :.  Notícias
    :.  Overclock
    :.  Análises

Publicações
    :.  cd GDH
    :.  cds Mandrake
    :.  cds do Linux
    :.  E-Books

Kurumin Linux
    :.  Manual
    :.  Forum
    :.  Download

Outros
    :.  Fórum
    :.  Humor
    :.  Palm
    :.  Quiz
    :.  Cursos online
        :.  Hardware
        :.  Redes
        :.  Gravação de cds
        :.  Notebooks
        :.  Setup


Pesquisar no site:


Invista em
conhecimento:
:.cd-ROM Guia do Hardware: Todos os e-books e uma cópia off-line de todo o site por R$ 21,00
:.Linux Mandrake 9.2 GDH, com manual em Português e aplicativos. 4 cds por R$ 26,00
:. E-Books de Carlos E. Morimoto:
- Dicionário Técnico de Informática 3ed.
- Entendendo e Dominando o Linux 6ed.
- Manual de Hardware Completo 3ed.
- Redes 3ed
- Upgrade e Manutenção
- Novas tecnologias 3ed.
Todos os e-books por
R$ 8,00

Download livre, pegue só depois de baixar.

:. cds do Linux:
Kurumin+Kokar R$ 15,00
Debian 3.0 rc01 R$ 35,00
Knoppix3.3 R$ 8,00
Slackware 9.1 R$ 12,00
Red Hat 9 R$ 19,00
DemoLinux R$ 8,00
Peanut R$ 8,00
FreeBSD R$ 20,00
NetBSD R$ 16,00
Libranet R$ 8,00
Definity R$ 8,00
E outras distribuições

 

Dicas do dia:

Dicas do dia : Receba as atualizações do Guia do Hardware todos os dias, direto no seu e-mail.
Clique aqui para se inscrever.

 


:. Aplicativos do Linux parte 2: Programas de mensagem instantânea

 Por Carlos E. Morimoto
 http://www.guiadohardware.net
 13/12/2003


Me lembro que em 98, quando estava dando minhas primeiras cabeçadas no Linux, a única opção para usar o ICQ era uma versão em Java, pesada pra caramba e que travava de vez em quando.

Felizmenteestes tempos passaram. Hoje em dia praticamente usa algum protocolo de mensagem instantânea. Em número de usuários o ICQ e o MSN dominam, mas existem outros muito usados como o AIM e mais recentemente o Jabber, que é uma tentativa de criar um protocolo de mensagem instantânea open source.

Devem existir hoje em dia de 100 a 200 clientes diferentes, que variam em recursos, mas para poupar tempo vou comentar apenas os relevantes:

:. Kopete

O Kopete é um dos mensageiros mais usados pois oferece suporte a quase todos os protocolos em uso. Acessando as preferências você pode habilitar os plug-ins para ICQ, MSN, AIM, Jabber, Yahoo, IRC e também SMS e WinPopup. Esta arquitetura baseada em plug-ins permite que novos plug0ins sejam incluídos com uma relativa facilidade.

Por exemplo, a partir de 15/10/2003 a Microsoft tornou mandatário o uso do msnp9, a nova versão do protocolo do MSN que havia sido lançada poucos meses antes. Depois desta data mesmo os usuários Windows teriam que atualizar o programa. O novo protocolo é fechado, não documentado e foram empregadas várias técnicas para dificultar o uso de engenharia reversa.

Mesmo assim, em 09/09/2203, mais de um mês antes da mudança já estava disponível o Kopete 0.7.2, compatível com o novo protocolo.

Um recurso interessante do Kopete é que todos os plug-ins habilitados nas preferências ficam ativos simultâneamente, como você pode ver no screenshot acima. Você não precisa manter vários programas abertos, apenas o Kopete já cuida de tudo.

A maior limitação é que não existe suporte a voz e vídeo como no ICQ e MSN originais, mas isso pode ser amenizado com o uso do Gnomemeeting, que ficaria encarregado da parte de video conferência.

No screenshot o Kopete aparece em Inglês, mas ele é compatível com o sistema de internacionalização do KDE. Ao configurar o KDE para ficar em Português, o Kopete também fica em Português.

A página oficial do Kopete é a: http://kopete.kde.org

O nome do pacote para instalar nas distribuições é "kopete", basta um "urpmi kopete", "apt-get install kopete", etc. Algumas distribuições como o Red Hat (e o Fedora) não o incluem no CD, mas no site você encontra vários pacotes compilados que resolvem o problema.

Verifique também se a versão incluída na distribuição é superior à 0.7.2, caso contrário o suporte a MSN não funcionará.

:. Gaim

O Gaim é o equivalente do Kopete, vindo da equipe do Gnome. Ele é um dos mensageiros mais antigos, as primeiras versões tinham poucos recursos e eram baseadas no GTK 1.x, o que também não ajudava no visual.

Mas, a partir da versão 0.6 o Gaim foi portado para o GTK 2, ganhou muitos novos recursos e passou a seguir o human interface guidelines, um padrão internacional de usabilidade.

A interface do novo Gaim é bem simples e intuitiva para novos usuários. A tela de abertura tem apenas três opções: Contas, Preferências e Conectar.

A tela de adicionar uma nova conta é novamente bem simples, você apenas escolhe o protocolo que será usado, usuário, senha e apelido. São suportados o ICQ, AIM, MSN, Yahoo, IRC e Jabber, além de protocolos mais incomuns como o TOC, Zephyr, Gadu-Gadu e até o protocolo de conversação usado pelo Napster.

Ao criar várias contas, usando vários protocolos diferentes é possível mantê-las ativas simultâneamente, como no Kopete. Ao fechar a janela principal ela fica minimizada ao lado do relógio no KDE ou Gnome, um recurso que não era suportado pelas versões anteriores.

Existe também um bom suporte a internacionalização, inclusive com a possibilidade de conversar misturando vários conjuntos de caracteres diferentes (imagine um Brasileiro, um Coreano e um Japonês, cada um falando na sua língua nativa), além de suporte a transferência de arquivos nos vários protocolos suportados.

A página do projeto é a http://gaim.sourceforge.net

Não existe diferença de nome entre os pacotes das versões antigas e das novas baseadas no GTK 2. O pacote sempre se chama "gaim", por isso é preciso verificar a versão e se preciso baixar a mais recente no site. O Gaim é o mensageiro default no Red Hat 9, Fedora e também no Mandrake 9.1.

:. Sim

O Sim é o meu programa favorito para ICQ, tanto que ele já vem instalado por default no Kurumin. Além de ser mais leve que o Kopete, existem vários detalhes na interface que o deixam mais confortável de usar.

Por exemplo, ao receber uma mensagem o ICQ da Mirabillis simplesmente toca um som e o ícone ao lado do relógio fica piscando. Você só sabe quem mandou a mensagem ao abrir a janela do ICQ. No Kopete é mostrado um balãozinho que mostra o remetente, mas ele é um pouco irritante por fica esperando por um click do mouse.

No Sim é mostrada uma mensagem de texto no lado esquerdo da tela que some depois de alguns segundos. Ela cumpre o papel de avisar sobre quem mandou a mensagem, mas de uma forma que não perturba caso você esteja ocupado e resolva ignorar o aviso.

A equipe do Sim tem feito um trabalho muito legal em implementar as sugestões, o que tem atraído uma legião de usuários fiéis.

O Sim também suporta o Jabber, AIM e MSN (o suporte ao novo protocolo veio a partir da versão 0.9). A página é: http://sim-icq.sourceforge.net

Infelizmente não é muito comum do Sim vir incluído nas principais distribuições, que geralmente preferem usar o Kopete e Gaim.

:. Amsn

O Amsn é um "clone" do Messenger escrito em TK, uma biblioteca gráfica que é muito usada em scripts, mas que não oferece tantos recursos quanto o Qt e o GTK2 e não possui um visual muito bonito.

Levando em conta estas limitações o Amsn surpreende. Em primeiro lugar por que ele é um programa leve que "simplesmente funciona" sem muitas frescuras que fiquem consumindo memória. Ele não possui recursos como video-conferência, mas cuida bem da parte de mensagens, e-mail e chat, além de possuir uma interface parecida com a do Messenger, o que ajuda em projetos de migração:

O visual default do Amsn é um pouco estranho, mas você pode ajustar as fontes e cores a gosto nas preferências do programa.

O Kurumin vem com o Amsn pré-instalado a partir da versão 2.05, mas não tive notícias de outras distribuições que o usem por default. Mas apesar disso a instalação dele é bem simples. Baixe a versão mais recente em:

http://amsn.sourceforge.net

Em seguida descompacte o pacote:

$ tar xvzf amsn-0_xx.tar.gz

Depois é só acessar a pasta msn que será criada e executar o programa com um:

$ ./amsn

Nas distribuições derivadas do Debian você pode instalá-lo com um: apt-get instal amsn

O programa todo é apenas um script escrito em tcl/tk, por isso o mesmo arquivo serve para todas as distribuições. A única exigência é que você precisa ter instalados os pacotes tcl e tk para poder executá-lo. Na maioria das distribuições eles são instalados por padrão.




:. Imprima este Texto

Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro de revisão no texto?
Escreva para mim: morimoto em guiadohardware.net



  © 1999 - 2004 :. Todos os direitos reservados :.
Melhor visualizado em qualquer browser. Você escolhe o que usar, não nós :-)
"The box said: Requires MS Windows or better, so I instaled Linux"