:. Indique este site a um amigo...
 3073075 visitas desde 28/02/1999  |  Responsável: Carlos E. Morimoto
 :. Novo na área?! Leia nosso tutorial: Hardware para Iniciantes

Seções
Artigos :. Windows ME
Relacionados

+ HOME
   :. Análises
   :. Artigos
   :. Cursos Online
       :. Hardware
       :. Redes
       :. Linux (foca)
       :. Gravação CDs
       :. Notebooks
       :. Setup
   :. Livros
      
:. Entendendo e
    Dominando o Linux 4.Ed
   :. Arquivo DDD
   :. Dicionário
   :. FAQ
   :. Notícias
   :. Dicas Linux
   :. Overclock
   :. Tutoriais

+ Publicações
   :. CD GDH
   :. CDs Mandrake
   :. CDs do Linux
   :. E-Books

+ Outros
   :. Fórum
   :. Humor
   :. Palm
   :. Quiz

+ Pesquisar no site:

+ Expediente

+ Doações

+ Comente esta
   Matéria

Dúvidas sobre
Linux?
Baixe o E-book
Entendendo e Dominando o Linux
de Carlos E. Morimoto
ou increva-se no
Curso de Linux
em SP


Invista em
conhecimento:
:.CD-ROM Guia do Hardware: Todos os e-books e uma cópia off-line de todo o site por R$ 21,00
:.Linux Mandrake 9.0 GDH, com manual em Português e aplicativos. 4 CDs por R$ 24,00
:. E-Books de Carlos E. Morimoto:
Manual de Hardware Completo 3ed.
Redes 3ed
Upgrade e Manutenção
Novas tecnologias 3Ed
Entendendo e Dominando o Linux
Dicionário Técnico de Informática. R$ 8,00

:. CDs do Linux:
Slackware 8.1 R$ 8,00
Red Hat 8.0 R$ 16,00
DemoLinux 3.0 R$ 8,00
Knoppix R$ 8,00
Peanut 9.1 R$ 8,00
FreeBSD 4.5 R$ 20,00
NetBSD 4.5 R$ 16,00
Libranet R$ 8,00
Debian 3.0 R$ 35,00
Definity R$ 8,00
E outros...

 

Dicas do dia : Receba as atualizações do Guia do Hardware todos os dias, direto no seu e-mail. Clique aqui para se inscrever.
 

Data: Novembro de 2000  :. Em Reformulação!
Tipo: Softwares: Sistemas Operacionais
Fabricante: Microsoft
Por: Carlos E. Morimoto
   

 

   Crítica ao Windows ME

Você já percebeu que a família Windows vem crescendo nos últimos anos? Agora já temos nada menos do que 10 versões diferentes do Windows em uso! Isso fora claro as versões do Windows 3 e do Windows CE.

Conte comigo:

 1.  Windows 95
 2.  Windows 95 OSR/2
 3.  Windows NT 4 Workstation
 4.  Windows NT 4 Server
 5.  Windows 98
 6.  Windows 98 SE
 7.  Windows 2000 Professional
 8.  Windows 2000 Server
 9.  Windows 2000 Datacenter Server
10. Windows ME

O Windows ME, vem com a promessa de mais estabilidade, melhor desempenho e mais recursos, o velho marketing de sempre. Mas como será que ele se comporta na prática? Nesta análise eu procurei reunir tanto a minha experiência pessoal com o novo sistema, quando os comentários de outros usuários (satisfeitos ou não) postados nos grupos de discussão

O primeiro dilema ao ter em mãos um CD do Win ME é se decidir a atualizar sua versão atual do Windows ou fazer uma instalação limpa, removendo o diretório Windows antigo (ou formatando o disco, como preferir) e instalando o Windows ME do zero.

Em primeiro lugar, tenha em mente que o Win ME não é totalmente compatível com o Windows 98 ou 98 SE. Nem todos os programas para MS-DOS rodam e nem todos os drivers de dispositivo funcionam. Isso significa que muita coisa que está funcionando perfeitamente no Windows 98 pode deixar de funcionar ao fazer a atualização para o Win ME.

Fazer uma instalação limpa é sempre muito menos problemático, pois além de servir como uma faxina do sistema, assegura que nenhum problema que você tenha no seu Windows atual vai atrapalhar a instalação.

O segundo problema a resolver diz respeito aos drivers de dispositivo. Apesar do Win ME ser essencialmente um Windows 98 SE com alguns aperfeiçoamentos, nem todos os drivers de dispositivo que funcionam no Windows 98 funcionarão no Windows ME. Isso inclui vários modelos de placas de som, modems, placas de vídeo e principalmente o modem, video e som das placas onboard.

Na maioria dos casos você vai resolver o problema passando na página do fabricante e baixando os drivers mais recentes. Se não souber o endereço, consulte o www.winfiles.com ou www.drivershq.com .

Você também encontrará alguns drivers na pasta "drivers" do CD do Windows.

Para evitar dores de cabeça, o melhor é sempre procurar os novos drivers antes de instalar o ME. Vai ser difícil você procurá-los na Internet se o seu modem deixar de funcionar por exemplo :-)

Se você estiver pensando em instalá-lo num notebook, não deixe de verificar na página do fabricante se é necessária algum tipo de atualização. Vários fabricantes estão incluindo FAQs em suas páginas, com os problemas mais comuns.

Depois de resolvido o problema da Instalação, as primeiras mudanças que você notará são algumas melhorias no visual. Fora isso o ME inclui alguns acessórios novos, como um utilitário que permite visualizar o conteúdo de arquivos compactados (você não precisará mais usar o Winzip) e alguns jogos a mais. Outra mudança cosmética (e polêmica) é o menu iniciar esconder programas que não são usados freqüentemente, como no Windows 2000, mostrando todos apenas ao clicar sobre uma setinha que aparece no final da lista.

Outra novidade é a substituição do Media Player antigo pela versão 7. Ela traz alguns recursos novos, como a possibilidade de ripar CDs e gerar MP3s apartir de arquivos WAVs, mas muita gente vem reclamando de conflitos com versões antigas do Easy CD-Creator e alguns outros programas de gravação. Outra reclamação é que o Media Player 7 é bem mais pesado que o antigo. Ainda na área de multimídia, existe um programa simples de edição de vídeo, o Windows Movie Maker.

Fora essas melhorias cosméticas, o ME traz (finalmente...) um utilitário bastante útil, o System Restore. Este utilitário permite fazer uma espécie de backup de sistema a qualquer momento. Se por acaso o seu Windows der qualquer problema (o que todos sabemos não é raro de acontecer...) o System Restore irá oferecer a opção de restaurar o sistema, deixando tudo exatamente como estava da última vez que foi feito o backup. Mesmo programas que tiver desinstalado estarão de volta. Além dos backups manuais, o programa (por default) também fará um novo backup a cada 10 horas de uso do micro.

O grande problema do System Restore é que para isso ele ficará continuamente monitorando as alterações no sistema, e fazendo backup de arquivos que forem sendo modificados. Isso traz o inconveniente de deixar o sistema perceptivelmente mais lento, e o pior, consumir um enorme espaço no HD. Por sinal, aqui já está um pequeno bug do Win ME: mesmo que desative o System Restore, ele voltará a ser ativado da próxima vez que reinicializar o sistema, não dando opção de finaliza-lo definitivamente.

Uma coisa que foi melhorada é a velocidade do boot. O Win ME é realmente mais rápido para inicializar. No micro em que testei, o boot demorava 22 segundos, contra 26 segundos do Windows 98 antigo.

Se você costuma usar programas para MS-DOS é bem possível que tenha problemas com eles, pois o Win ME não possui mais DOS de modo real. Não existe mais a opção de reinicializar em modo MS-DOS, apenas de rodar os programas em janela fazendo com que alguns programas não rodem. A única opção nesses casos seria dar um boot via disquete. Configurações no Config.sys também não são mais suportadas, assim como drivers de modo real, que agora só podem ser carregados manualmente cada vez que abrir o prompt do DOS.

Fora estas limitações, o ME se mostrou um sistema mais estável que o Windows 98 antigo. é mais raro um programa travar e acabar fazendo o sistema inteiro parar, quase sempre você conseguirá fechar o programa dando um ctrl + alt + del e escolhendo "fechar programa".

Isso significa que ele trava menos, mas continua travando de vez em quando. Se você quer um sistema realmente estável então esqueça o ME e parta logo para o Windows 2000, ou Linux.

Finalmente, chegamos ao ponto principal, que é o desempenho. Devido às quinquilharias novas e principalmente devido ao trabalho do System Restore, o sistema ficou perceptivelmente mais pesado. Além disso, o espaço em HD necessário para instala-lo é naturalmente maior.

No geral o Windows ME está mais para um Windows 98 Terceira Edição do que para um sistema novo como o nome sugere. As maiotres evoluções ficaram na parte do visual, que ficou mais parecido com o Windows 2000. O sistema também incorporou vários assitentes, também retirados do Win 2000 que facilitam algumas tarefas.

A não ser que alguns destes recursos novos realmente tenha lhe interessado, eu não recomendaria pensar em comprá-lo, o dinheiro gasto não vai valer a pena. Se você usa softwares piratas, então a única desvantagem seria o possível trabalho de ficar procurando novos drivers. Fora o System Restore, não vai melhorar muita coisa, mas pelo menos (se você seguir todas as recomendações) não vai ficar pior do que já está.

Como já comentei em outros artigos, a minha recomendação pessoal é migrar para o Windows 2000, que por ser baseado no Windows NT não tem os problemas de estabilidade dos Windows 9x, além de oferecer muito mais recursos de segurança, tanto para vários usuários utilizando a mesma máquina, quanto dentro de redes ou na Internet.

 

© 1999 - 2002 :. Todos os direitos reservados :. Carlos E. Morimoto
Melhor visualizado em qualquer browser. Você escolhe o que usar, não nós :-)