:. Indique este site a um amigo...
 3025615 visitas desde 28/02/1999  |  Responsável: Carlos E. Morimoto
 :. Novo na área?! Leia nosso tutorial: Hardware para Iniciantes

Seções
Colunas :. Papo Aberto
Relacionados

+ HOME
   :. Análises
   :. Artigos
   :. Cursos Online
       :. Hardware
       :. Redes
       :. Linux (foca)
       :. Gravação CDs
       :. Notebooks
       :. Setup
   :. Livros
      
:. Entendendo e
    Dominando o Linux 4.Ed
   :. Arquivo DDD
   :. Dicionário
   :. FAQ
   :. Notícias
   :. Dicas Linux
   :. Mini-Reviews
   :. Overclock
   :. Tutoriais

+ Publicações
   :. CD GDH
   :. CDs Mandrake
   :. CDs do Linux
   :. E-Books

+ Outros
   :. Drivers
   :. Fórum
   :. Humor
   :. Colunas
   :. Manuais
   :. Palm
   :. Quiz

+ Pesquisar no site:

+ Expediente

+ Doações

+ Comente esta
   Matéria

Dúvidas sobre
Linux?
Baixe o E-book
Entendendo e Dominando o Linux
de Carlos E. Morimoto
ou increva-se no
Curso de Linux
em SP


Invista em
conhecimento:
:.CD-ROM Guia do Hardware: Todos os e-books e uma cópia off-line de todo o site por R$ 21,00
:.Linux Mandrake 9.0 GDH, com manual em Português e aplicativos. 4 CDs por R$ 24,00
:. E-Books de Carlos E. Morimoto:
Manual de Hardware Completo 3ed.
Redes 3ed
Upgrade e Manutenção
Novas tecnologias 3Ed
Entendendo e Dominando o Linux
Dicionário Técnico de Informática. R$ 8,00

:. CDs do Linux:
Slackware 8.1 R$ 8,00
Red Hat 8.0 R$ 16,00
DemoLinux 3.0 R$ 8,00
Knoppix R$ 8,00
Peanut 9.1 R$ 8,00
FreeBSD 4.5 R$ 20,00
NetBSD 4.5 R$ 16,00
Libranet R$ 8,00
Debian 3.0 R$ 35,00
Definity R$ 8,00
E outros...

 

Dicas do dia : Receba as atualizações do Guia do Hardware todos os dias, direto no seu e-mail. Clique aqui para se inscrever.
 

Data: 20.09.2001  :. Em Reformulação!
Assunto: Aparelhinhos úteis
Por: Kleber Credidio
Contato:

 

   Aparelhinhos úteis

:. Rede e Internet

Na parte de rede, temos vários dispositivos auxiliares, que economizam dinheiro, espaço e poupam dores de cabeça mas não devem nada em funcionalidade. Temos, por exemplo, servidores de impressão que dispensam um micro específico para esta função. Eles são ligados diretamente à rede através de uma porta RJ-45 para par trançado, e possuem normalmente de duas a seis portas paralelas bidirecionais, onde são ligadas as impressoras. A utilização de configuração é bastante simples e o processo é quase que totalmente automatizado.

Recentemente começaram a aparecer também Compartilhadores de acesso à Internet uma espécie de proxy com funções específicas. O aparelho Broadshare da Trellis, por exemplo, pode compartilhar o acesso à Internet com até 50 micros, sendo compatível com os padrões de rede TCP;IP, NAT, DHJCP, HTTP. É configurado via browser basta digitar o endereço do dispositivo no seu navegador e terá acesso às configurações do mesmo. Por servir também como um servidor DHCP, associa e gerencia automaticamente os IPs das estações conectadas à rede. Permite, também, que um determinado micro fique visível remotamente, permitindo ao administrador da rede operá-lo remotamente via Internet. Aqui no Brasil, o Broadshare é o mais fácil de ser encontrado, mas há outros com funções mais avançadas ou mais simples, ao gosto do usuário/empresa. Bastante útil, por exemplo, para compartilhar acesso à Internet ADSL (Speedy, Velox, etc.) sem muito trabalho. Há opções destes dispositivos que já possuem firewall embutido, para maior segurança da rede, e que podem inclusive funcionar sem fios (wireless).

Para quem precisa de segurança, pode utilizar os dispositivos de firewall (os aparelhos, não os softwares). Sendo ligado diretamente à rede, dispensa um computador/servidor específico para esta função, oferecendo um ótimo nível de proteção à rede. Há diversos tipos e níveis de firewalls, mas a grande maioria permite configuração remota, integração com anti-vírus e gerenciamento da rede. Tem a vantagem de ocupar pouco espaço e não ser passível de travamentos, como pode acontecer com sistemas operacionais de computadores.

Há ainda dispositivos de rede wireless (sem fios) diversos como HUBs, switches, placas e etc. Hoje em dia é possível montar uma pequena rede com total ausência de fios claro, com algumas limitações, como a impossibilidade de haver grandes obstáculos entre os pontos. Mas, creio eu, isto é uma questão de tempo até ser totalmente superado.

Há ainda outros dispositivos diversos, fica até inviável citar todos aqui. Mas basta fazer uma busca pela Internet, ou pegar um catálogo de loja de informática, e poderá se perceber a variedade.


:. Conectividade

Para os técnicos de plantão, que precisariam de uma outra estação (conjunto de teclado, mouse e monitor) para montar micros de clientes, há um aparelhinho muito bom que economiza bastante espaço. É um switch (comutador) de micros.

Imagine a seguinte situação: Você, técnico, trabalha em casa, ou em seu pequeno laboratório. Tem seu micro montado, e cada vez que leva um micro de algum cliente para conserto é necessário desconectar seu monitor, seu teclado e mouse para liga-los no micro do cliente a fim de trabalhar no mesmo. Depois de terminado, volta a ligar em seu micro novamente. Incômodo, não?


Ou então: Você trabalha em uma empresa que tem meia dúzia de servidores, ocupando um baita espaço. Ora, por que não liga-los a apenas um monitor, teclado e mouse, liberando o espaço tomado pelos monitores? Em situações onde não é necessário lidar com todos os servidores simultaneamente, esta é uma ótima saída. Basta pressionar um botão no pequeno switch para ver o que se passa no outro servidor, sem precisar ligar nem desligar nada. Quer mais praticidade?

Estes switches já existem há algum tempo, mas normalmente são inacessíveis para consumidores finais devido ao seu preço elevado (cerca de US$ 350.00). Hoje em dia há opções paralelas, de boa qualidade porém com algumas restrições. Em São Paulo, na Santa Ifigênia, é possível encontrar um switch destes (já com os cabos) para 2 micros numa faixa de R$ 170,00. A única limitação destes mais baratos é que, por não possuírem circuitos (apenas compartilha os sinais de VGA, teclado e mouse) não funcionam bem para quem costuma usar resoluções superiores a 1024x768 a imagem fica borrada, com sombras. Mas pra quem costuma trabalhar a 800x600, nada muda a não ser o acréscimo de praticidade. Outros, mais sofisticados, têm circuitos que impedem perda de sinal do monitor, deixando a imagem impecável em qualquer resolução. A desvantagem destes é o preço, que costuma variar entre R$ 900 a R$ 5.000 (com recursos fantásticos, permitindo inclusive acessar o setup do micro remotamente).


Veja abaixo uma ilustração de como ficariam dois micros ligados a um switch:



:. Diversos

Há dispositivos voltados para lazer, ou pura mordomia. Um deles é Radio USB: um aparelhinho (que mais parece uma antena com uma base) conectado ao micro via cabo USB, que permite sintonizar rádios FM sem precisar acessar a Internet; outro faz o mesmo, só que com canais de TV você pode assistir TV apenas conectando o dispositivo no micro e mais nada, e ainda pode digitalizar imagens (este já é mais antigo).

Visitando as páginas de fabricantes de dispositivos wireless, por exemplo, pode-se ter também uma idéia da enorme gama de produtos curiosos e úteis embora nem sempre acessíveis para o usuário convencional, é verdade. No entanto, prefiro ser otimista e acreditar que é só questão de tempo para que este quadro se reverta.


:. Mais informações

    :. www.blackbox.com

    :. www.trellis.com.br

    :. www.dlink.com



Peço desculpas aos leitores pelo grande atraso na atualização das colunas. Infelizmente tive alguns contratempos e muito trabalho, espero poder daqui em diante me redimir... ;-)


Gostaria de pedir também sua colaboração: Qual assunto gostaria de ver abordado na próxima Papo Aberto? Mande-me um e-mail () com sua sugestão!!


Obrigado e até lá!

Kleber Credidio
Comente esse assunto no fórum

 

© 1999 - 2002 :. Todos os direitos reservados :. Carlos E. Morimoto
Melhor visualizado em qualquer browser. Você escolhe o que usar, não nós :-)